4 de abril de 2010

Acordar...









Fechei o velho caderno de desejos,
Guardei o antigo livro de sonhos,
e já não sei como preencher
as novas páginas em branco,
com o vazio dos meus pensamentos,

Devo contar-lhe a tristeza da alma?
devo dizer-te o que sinto?
Devo mudar as histórias erradas?
ou rasgar de uma só vez as páginas?

Tudo envolve um único silêncio
e em segundos, tudo se desfaz,
nada há para se orgulhar
e quando eu estalar os dedos,
Vou acordar...

Joice Inácio, 11 de Agosto de 2007.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe algumas palavras aqui: