26 de fevereiro de 2012

e então eu lhe disse:


[...] mas, é que ninguém sabe o que o amanhã trará, e "Pra Sempre" é muito tempo, tanto tempo que ninguém nunca soube calcular. Não quero destruir suas esperanças, mas é porque eu já vi o "Eterno" ter fim.
Então não me prometa o amanhã, se mal pode me emprestar o hoje.

Joice Inácio, 26 de Fevereiro de 2012.

2 comentários:

Deixe algumas palavras aqui: